15 de setembro de 2013

stories with jason mccann: capitulo 28


você ganhou meu coração e eu não sei como fez isso.
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
(Seu nome) arregalou os olhos pra ele e correu para o quarto ao lado, Jason entrou de baixo da cama e ficou lá, a porta do banheiro foi aberta e sim era Logan saindo de lá. Jason ainda estava de baixo da cama e (seu nome) no quarto ao lado, Jason conseguia ver que Ryan ainda estava na cadeira, e Logan em pé a caminho da porta, Logan estava indo em direção ao quarto que estava (seu nome) até que Jason ouviu um disparo, ele ficou desesperado, pois sabia que Logan tinha atirado nela, ele saiu debaixo da cama e teve uma surpresa Logan estava no chão sangrando com uma bala no meio da testa e Ryan com uma arma na mão, sim Ryan tinha se soltado e matou Logan, Jason gritou (seu nome) e se avisou que estava tudo bem, logo ela veio para o quarto, vendo ali Ryan solto, Logan morto e Jason com um sorriso radiante em seu rosto.
- Vou embora – Ryan disse com uma expressão cansada e bufou o ar – Ah chefe não se preocupa que eu vou mandar alguém vir arrumar essa bagunça – Ryan disse fazendo uma careta assim que olhou para o morto a sua frente.

O silencio tomou o lugar, só se pode ouvir o bagulho da porta que Ryan havia batido ao sair do quarto.
(Seu nome) e Jason ainda sentiam dores pelo corpo, mas se abraçaram como se quisessem se fundir, formarem um só. Jason apertava (seu nome) e sentia o cheiro da coisa delicada que estava em seus braços.
- Você não sabe o medo que eu fiquei quando eu escutei o tiro, eu pensei que aquele otário tinha atirado em você – Jason disse ao pé do ouvido de (seu nome) que fez a mesma arrepiar.
- vamos esquecer isso tá legal? – (seu nome) disse carinhosa enquanto abraçava fortemente seu amado.
- Vamos sair logo desse lugar – Jason pegou a mão da (seu nome) e a arrastou pra fora daquele lugar.
No caminho de casa Jason vira e mexe olhava pra (seu nome) e ficava pensando freneticamente no porque (seu nome) gostar dele. Ele era o demônio e ela o anjo; ela é o céu e ele o inferno; Ela é perfeita e ele um pecador assumido e declarado. Porque o amor apareceu logo para esses dois? Eles não têm nada em comum só um amor que sentem um pelo outro e a fome de sexo incontrolável que ambos sentem.
Ao chegar a casa (seu nome) foi tomar um banho demorado, queria tirar a sujeira do seu corpo, a sujeira de tudo oque passou esse tempo.
A água escorria pelo corpo de (seu nome) e fazia com que ela relaxasse todos os músculos. Sua intenção era com que a agua escorresse e fizesse suas feridas sumir, sua culpa sumir... Ela tinha matado alguém, isso não ia mudar... Mas o estranho era que ela não se sentia um monstro, não se sentia tão ruim assim; ela já passou tantas coisas que a maldade pra ela não é, mas uma coisa tão assustadora e sim algo que você tem que saber lidar, ainda mais agora que seu amado não é nada mais nada menos que Jason McCann.
Ao sair do banheiro só com uma blusa grande que era do Jason, em (seu nome) aquela blusa mais parecia um vestido de tão grande. (seu nome) viu Jason deitado na cama com os cabelos molhados indicando que ele também havia tomado banho. Ele fitava o teto e (seu nome) o olhava e ficou admirando. Jason parecia um anjo, só que esse anjo não era dos céus e sim das trevas. Esse anjo não ajudava as pessoas, tomava oque às pertencia. Esse anjo não salva, ele mata. Esse anjo só é o bandido mais procurado dos USA, ele era o Jason McCann.
Jason olhou pra (seu nome) e sorriu o sorriso dele era radiante fazendo (seu nome) viajar pra outro mundo, á fazendo admirar a beleza de Jason.
- (seu apelido) oque foi? Tá com cara de tapada – Jason riu da cara de (seu nome) que logo deu uma risadinha sarcástica. – você realmente é meio Ledinha pra piadas- Jason riu novamente e (seu nome) se sentou na cama com os braços cruzados, fazendo um beicinho que Jason riu novamente- Eu amo quando faz esse beicinho, dá vontade de te morder – Jason agora disse um tanto quando próximo de (seu nome) oque fez ela se arrepiar- Eu... Te... Amo – Jason disse segurando no queixo de (seu nome) a fazendo olhar nos olhos dele- Esta estranha... Fale alguma coisa. – Jason a olhava de uma forma como se ele quisesse ler os pensamentos de (seu nome)- você esta assim porque o Adam e o Logan te fizeram alguma coisa que não quer me contar? Confia em mim? – Jason tentava ser o mais atencioso possível, provavelmente (seu nome) teria passado por mais bocados enquanto estava presa naquele lugar.
- Não é nada... – (seu nome) olhou pra baixo e sorriu, mas não um sorriso verdadeiro e sim um sorriso que mais queria dizer “hei, eu não quero preocupar ninguém.” – eu só estou em acostumando com o fato de nunca ter uma vida normal, que nem todo mundo vive. – a voz de (seu nome) era baixa, quase num sussurro.
- Você esta com medo de que? – Jason acariciava o rosto de (seu nome) – estão todos mortos, nada vai te acontecer, e outra seu namorado é Jason McCann o criminoso mais procurado dos USA sua vida nunca vai ser normal.
- se eu tiver uma vida normal não vai ser tão legal – (Seu nome) olhou pra Jason com um sorriso sapeca e Jason riu- e outra eu te amo, nada vai me separar de você, nem que o fato de eu nunca ter uma vida que nem a dos outros. – (seu nome) se aproximou de Jason e sentou em cima do colo do mesmo.
- é impressão minha ou você esta me provocando? – Jason apertou forte a cintura de (seu nome) assim que ela rebolou novamente em seu membro.
- Eu? Que isso, sou uma menina inocente – ela rebolou de novo, só que com mais força.

Jason sabia oque (seu nome) estava procurando. Jason praticamente Jogou (seu nome) contra a cama e deitou por cima dela e lhe deu um chupão no pescoço fazendo (seu nome) ter um leve espasmo. (seu nome) entrelaçou as pernas na cintura do Jason e apertou os ombros do mesmo, com intenção que ele continuasse.
Jason puxou os cabelos de (seu nome) e a beijou ferozmente. Ele enquanto a beijava apertava a sua coxa, fazendo a seu nome arfar entre o beijo. Não demorou muito pra Jason rasgar a blusa que (seu nome) usava. Ele sorriu ao ver a visão ampla dos seios fartos da (seu nome). Jason comeu a chupar o seio esquerdo enquanto aperta o direito, e logo em seguida o inverso. A intimidade de (seu nome) roçava no membro já ereto de Jason.
.

37 comentários:

  1. Continua logo pf to curiosa pra saber a outro cap

    ResponderExcluir
  2. Continua to muito curiosa

    ResponderExcluir
  3. Continuaa ta muito bom

    ResponderExcluir
  4. AH MINHA VADIA, VC VOLTOU NE SUA CADELA? continue baby ;)

    ResponderExcluir
  5. Oi sou leitora nova ta muito bom continua

    ResponderExcluir
  6. Continua, quantos comentarios vc q pra vc continuar?

    ResponderExcluir
  7. Continua cara isso ta maça

    ResponderExcluir
  8. Nossa vc e muito boa continua logo pf

    ResponderExcluir
  9. perco o tesão de ler pela demora na hora de postar, porra, 2 meses! Eu sei que todo mundo tem o que fazer e tal, mas eu acho uma puta falta de respeito com quem lê.... Mesmo assim, parabéns, esta otima!

    ResponderExcluir
  10. Porra q dia vc vai continua

    ResponderExcluir
  11. sua linda ta mtoo perfeito mas vc demora mto pra postar mesmo assim continuo a amar

    ResponderExcluir
  12. Continua logo porfavor

    ResponderExcluir
  13. Por favor continuaaaa!
    bjss vivi >3<

    ResponderExcluir
  14. Vc demora muito pra posta ki saco mas ta foda

    ResponderExcluir
  15. Continuaa posta logo eu nao aguento mais vc ta demorando de mais

    ResponderExcluir
  16. aff pq vc nao vai continua eu nao aguento mais pq vc nao continua eu to louca ja vo morre de coriosidade continua se vc nao for continua fale pra nos q nao vai continua por favor nod ta esperando vc fala isso pra nos se vc fazer isso nos te agrade -se


    ResponderExcluir
  17. Ei, abandonou a gente?
    Eu quero ler, rs!
    Esta demorando muito :'(

    ResponderExcluir
  18. Continuaaaaaaa logo
    Bjs

    ResponderExcluir